auto_obsessao

Auto-obsessão: quando fazemos mal a nós mesmos

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars
Loading ... Loading ...

Sinopse

Não somos educados a tomar contato conosco mesmos e a nos conhecer, uma vez que nossa atenção é voltada para o externo. A criança se conforta no colo da mãe, sacia a fome na mamadeira, diverte-se com os brinquedos… Na adolescência procuramos amigos, namoro, fazer cursos e aprender a respeito de muitas coisas. Na maioridade adentramos o mundo do trabalho, constituímos família, ouvimos noticiário. Como se vê, aprendemos a nos interessar pelo mundo exterior sem nos atentar ao reflexo disso em nosso mundo interior. E nos momentos de tristeza, tentamos superar o mal-estar com medicamentos, passeios, consumo.
Nem sempre um pai/mãe pergunta acerca dos sentimentos do filho: medo, tristeza, raiva, alegria. Parece que somos passivos.
Na obsessão espiritual acontece algo semelhante, pois há uma tendência do obsidiado em atribuir seus sofrimentos ao obsessor – ao exterior –, se colocando como vítima. Esquece ou ignora os princípios básicos estudados pelo Espiritismo a respeito da mediunidade e da sintonia, discutidos no capítulo 1 desta obra, primeira parte.
É patente que o obsessor exerce sua vingança, tentando atormentar ou aniquilar a sua vítima, e ele tem os seus motivos. O obsidiado não é o mártir, pois carrega as matrizes ou as causas que favorecem tal ligação. É um atormentado em si mesmo, auto-obsidia-se pela culpa, remorso, memórias, imagens e joga a responsabilidade no obsessor. Precisa aprender a olhar para si e tentar entender suas emoções, suas tendências, seus pensamentos repetitivos. A presença do obsessor espiritual denuncia que o obsidiado carrega débitos não resolvidos e precisa equacioná-los para continuar seu progresso.
Neste livro, desviamos o olhar do obsessor/exterior e focamos no indivíduo/interior, sendo o indivíduo o obsessor de si mesmo, aquele que precisa compreender seus ingredientes tais quais: culpa, remorso, causas diversas a fim de que possa superar o problema.
Apresento oito casos de pessoas auto-obsidiadas para ilustrar a base teórica, a fim de refletir sobre nós mesmos.

Especificações

Editora:EBM

Autor:Mario Mas

ISBN:978-85-64118-65-2

Gênero:Estudo

Páginas:160

Formato:16 x 23